Sustentabilidade

Sustentabilidade

Ter uma empresa de turismo que trabalhe de forma sustentável, vem sendo uma exigência de crescente no mercado, turistas já escolhem viajar só para locais que pratiquem esse conceito.

O projeto do Terra dos Sonhos, foi inaugurado em abril de 2017,  totalmente voltado para a sustentabilidade, incluindo os chalés que são feitos da reutilização de containers e construido como um hotel fazenda sem degraus.

O Terra dos Sonhos assim com os outros dois hotéis da Rede dos Sonhos, desde o início não foca apenas em ação de sustentabilidade ambiental e sim à questão da sustentabilidade como um todo: Social, Ambiental, Econômico e Institucional. Por ser uma empresa orientada para o marketing social e o compartilhamento de valores, aprofundamos no conceito da sustentabilidade e da inclusão social para termos um crescimento realmente sustentável, ou seja, ambientalmente responsável, economicamente viável, socialmente justo e que possa contribuir para atingir os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030.

Há 24 anos iniciamos nossas atividades no Campo dos Sonhos a implantar essa filosofia de trabalho, um conjunto de ações que na época, não tínhamos uma noção clara dos resultados positivos que iríamos ter ao longo do tempo.

Buscamos outros objetivos específicos: certificação em sustentabilidade em meios de hospedagem; implantar acessibilidade física no hotel e nas práticas das atividades de turismo oferecidas; oferecer serviço de qualidade com colaboradores treinados e satisfeitos; oferecer inovação; oferecer produtos autênticos quanto à origem cultural; minimizar os possíveis impactos produzidos pela atividade; buscar o reconhecimento dos clientes, do mercado e da mídia; tornar se um exemplo no que fazemos.

As construções foram projetadas para uso da energia solar no aquecimento da água dos banheiros. A redução do consumo de energia foi conseguida pelo uso de lâmpadas de LED, foram instaladas placas solares para aquecimento de água e placa fotovoltaica.  É feito o uso da energia da biomassa (lenha de descarte natural ou reflorestamento) para o aquecimento da piscina e das saunas. Todas as áreas de plantações e dos animais foram implantadas usando-se praticas de conservação do solo. Foi implantado Centro de Triagem de resíduos sólidos e um Centro de Compostagem. Temos ainda um Minhocário para produção de humos para a horta orgânica que atende o restaurante. Implantamos o tratamento dos efluentes.

O projeto de acessibilidade tornou-se uma referencia no turismo como hotel adaptado para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida. Além dos apartamentos, banheiros, e todo espaço físico do hotel ser acessível, também as atividades de lazer são adaptadas como: sela com encosto para os passeios à cavalo, bicicletas, cadeiras adaptadas para rafting e até troles podem ser usadas pelas crianças e adultos com deficiência ou mobilidade reduzida.

No Brasil são 45 milhões de pessoas com deficiência e 32 milhões com mobilidade reduzida, totalizando 77 milhões de consumidores, sem considerar que estas pessoas não viajam sozinhas. Um nicho de mercado muito promissor.  O Campo e o Parque dos Sonhos são certificado pela ABNT como Hotel Acessível, sendo os únicos do Brasil a obter essa certificação.

Fomos além, o hotel além de ser acessível fisicamente, também é acessíveis na operação das atividades de Turismo de Aventura. O Campo e o Parque dos Sonhos também foram os pioneiros no Brasil a conquistar a certificação ISO 21101 para a prática segura do turismo de aventura.

Nosso projeto contribuiu para práticas sustentáveis originais, inéditas e transformadoras no contexto do negócio, contribuição para a ampliação do capital intelectual e transformação para um turismo mais sustentável. Nas práticas de sustentabilidade, por exemplo, podemos citar os equipamentos voltados para atender pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida como: Sela com encosto e cinto de segurança para cavalgada, cadeiras diversas para a prática de caminhada junto à natureza, trole adaptado para passeios com tração de cavalos, Bicicletas adaptadas para paraplégicos e cegos, chalés com canil para o cão guia, passeio de trator adaptado. Outra atitude importante foi que, embora os equipamentos oriundos dessas ações sejam inovadores, eles não foram patenteados, para que seja mais fácil a replicação da ideia e que assim possamos contribuir efetivamente com a promoção da sustentabilidade.

Socialmente agimos em inclusão social através da implantação de diversas ações, entre elas: acessibilidade no hotel, inovação na criação de equipamentos especiais para a prática de turismo de aventura inovação nos procedimentos de atendimento no turismo de aventura e ecoturismo para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, treinamento de funcionários um cronograma de cursos aos colaboradores entre outros, implantação de política de carreira, participação dos colaboradores nos lucros da empresa,  investimos na capacitação dos colaboradores, priorizamos a contratação de pessoas da região, além da valorização da cultura regional tanto em shows apresentados aos hóspedes quanto em eventos e projetos regionais que apoiamos.

Ambientalmente agimos principalmente em: reflorestamento com cerca de 50.000 árvores plantadas nos 3 hotéis, sendo mais de 2.000 árvores plantadas pelos clientes dentro do Programa Plante ou Adote uma Árvore. Trabalhamos a questões de economia de energia. Promovemos o tratamento de efluentes, implantamos Centros de Compostagem, produzimos hortaliças em hortas orgânicas, foi construído ainda  Centros de Triagem para dar destinação correta aos resíduos sólidos. Investimos na formatação de produtos ligados a cultura regional e em harmonia com o meio ambiente natural, certificações, inovação e infraestrutura.

Em reuniões mensais entre o dirigente geral e os gerentes da empresa, são eleitas as prioridades da empresa, também são avaliadas as ações em andamento e as críticas e sugestões dos clientes, visando sempre a melhoria contínua.

A Direção também analisa as tendências de mercado, faz a análise SWOT, realiza mensalmente as pesquisas para saber a opinião e para conhecer o cliente. Nossos controles de monitoramento mostraram ao longo do tempo resultados excelentes. De 320 pessoas com deficiência em 2007, evolui para mais de  3.000/ano atualmente.

Como somos certificados pela ABNT nas normas de acessibilidade e nas práticas de turismo de aventura, sofremos auditoria externa e interna anualmente, para isso temos um SGS – Sistema de Gestão da Segurança muito rígido que envolve diversos controles.

Em termos de resultados mensuráveis, além da taxa de ocupação, trouxe outros ganhos econômicos e financeiros tais como com a economia de água e energia, com a reutilização de materiais, com a venda de recicláveis não reutilizados entre outros.

Além desses resultados, um deles precisa ser evidenciado, é o fato de o projeto ter virado um case de sucesso, trouxe muita mídia espontânea, que se fosse pagar o conquistado custaria ao caixa da empresa mais de R$ 1.000.000,00 considerando os três hotéis.

O próprio projeto trouxe muitos ganhos para a empresa, ele se pagou e ainda gerou recursos suficientes para replicar o conceito nos demais empreendimentos do grupo. Além dos ganhos econômicos e financeiros, o que a nosso ver, é muito importante para o desenvolvimento sustentado da empresa, é que ganhamos notoriedade e respeito no mercado de turismo, das três esferas governamentais e a satisfação de ter podido contribuir com a sustentabilidade e principalmente com sensibilização das pessoas da comunidade e região que sustentabilidade é viável e traz grandes vantagens, não somente para a empresa mas também para a humanidade.

Têm sido satisfatórios os resultados alcançados, até mesmo maiores que os imaginados, pois trabalhando orientado pelo compartilhamento, temos recebidos visitas técnicas, vindas de todo o Brasil e até do exterior para conhecer o trabalho realizado nos 3 hotéis e no Terra dos Sonhos, além da satisfação de poder estar trabalhando em prol de uma vida melhor, ainda galgamos resultados financeiros compensadores.

A Rede dos Sonhos participou, em parceria, nos projetos: Aventureiros Especiais com a ONG Aventura Especial e o Ministério do Turismo; na parte das adaptações físicas, tivemos a participação do Ministério do Turismo e da ONG AVAPE; participamos ainda do programa denominado Aventura Segura, realizado pela ABETA e apoiado pelo Ministério do Turismo; participamos do projeto Socorro Acessível; somos parceiros do Projeto Copaíba no programa de reflorestamento da mata ciliar e ainda com o ICA – Instituto Cultura e Arte que administra o Conservatório Musical de Socorro.

Participamos como membro ativo de do Conselho Municipal de Turismo das cidades de Socorro e de Bueno Brandão, apoiamos as ações destes e de grupos de empresários do setor das duas cidades. Todos colaboradores dos 3 hotéis participaram do processo, além de parcerias com sete ongs e o governo das três esferas.

Por isso a Rede dos Sonhos conquistou diversos prêmios: Prêmio Sentidos, MPE Brasil em Serviços Turísticos e Inovação, Prêmio Braztoa de Sustentabilidade 2012, o selo de acessibilidade da ABIH – Associação Brasileira da Indústria Hoteleira, O Certificado de Excelência 2015 da TripAdvisor, o Prêmio Pintou Limpeza da Rádio Eldorado, os prêmios de O Melhor do Mundo em Turismo Responsável e o de Melhor para Pessoa com Deficiência da WTM – World Travel Market de Londres além do maior prêmio concedido pelo governo federal brasileiro, que é o Prêmio dos Direitos Humanos, os três últimos em 2014.

Conforme citado em nossa missão: “Proporcionar Momentos de Encanto e Felicidade a todas as pessoas que se hospedam ou visitam….”, esse é o nosso propósito. Encantado, o cliente retorna e ainda indica nosso empreendimento para seus amigos e familiares.

Nosso ponto de partida foi encantar e fidelizar o cliente, promovendo assim, um crescimento sustentado. Sabíamos que estaríamos criando um diferencial competitivo interessante, mas na realidade, ao longo do tempo, mostrou-se muito além do que imaginávamos a ponto de se tornar um case de sucesso nacional e internacional e ainda mostrar que o mercado tinha uma demanda reprimida, que nunca foi considerada na importância que se mostrou. Gerou recursos para mantermos os projetos e para o crescimento do negócio.

Palestras sobre sobre nossa filosofia de trabalho são apresentadas por todo país e até exterior, mostrando o que foi feito e como foi feito. Visitas técnicas para conhecer o projeto são recebidas, enfim o projeto prima pela educação para as melhores práticas.

O projeto é totalmente e facilmente replicável, nem mesmo os equipamentos inovados foram patenteados para facilitar a replicação. São atitudes simples e eficazes. Em termos de investimento requerem investimento de médio porte, podendo ter bons resultados até com baixo investimento. Requer mais trabalho que investimento. Depende mais de vontade de fazer. Esse projeto virou case de sucesso e já foi mostrado a todo país e está a disposição para visitação técnica para conhecer o trabalho realizado, sem custo. Pensamos que agindo assim estamos contribuindo para a verdadeira sustentabilidade e para um futuro melhor para a humanidade.

Translate »
FECHAR